Encontro Internacional de Gestores e Articuladores de Economia Solidária no CEU

O Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU), na Mumbuca sediou nesta sexta-feira (30/08) o primeiro Encontro Internacional de Gestores e Articuladores das Políticas de Economia Solidária.

O encontro foi promovido pela Secretaria de Economia Solidária e teve como convidados representantes da Costa Rica, do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA), da prefeitura de San Martin, na Argentina, do Centro Federal de Educação Tecnológica (CEFET), entre outros articuladores.

De acordo com o secretário municipal da pasta, Diego Zeidan, o evento foi parte de um diálogo iniciado com diversos entes públicos do Estado e de outros países interessados em conhecer as experiências de Maricá, como o Cartão Mumbuca, o Mumbuca Futuro, entre outras projetos voltados às políticas de economia solidária executadas pelo governo municipal.

“O Cartão Mumbuca é inovador porque não se tem experiência de moeda social nessa escala que abarca uma cidade inteira em nenhum lugar do mundo; na Renda Básica da Cidadania também somos referências. Estamos desenvolvendo um novo modelo e uma nova experiência de criar uma cidade mais justa e humana”, afirmou o secretário.

Diretor geral de Economia Social e Solidária do município de San Martín de Los Andes, na Argentina, Marcelo Torrano, veio apresentar um pouco dos projetos elaborados no país vizinho.

“Nós de San Martin também temos muito a oferecer e poder colocar à disposição nossos saberes nesse trabalho a fim de ter outra economia possível, a ser outro mundo possível, onde a população possa estar incluída e ter uma vida melhor”, analisou.

Convidada para o evento, a integrante da equipe da incubadora tecnológica de empreendimentos da Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF), Ilza Franco Portela, citou Maricá como referência em projetos ligados à economia solidária.

“A cidade tem algo muito precioso que qualquer município do mundo deveria pensar que são as suas moedas sociais e seus bancos comunitários. Quando se pensa em desenvolvimento local, em distribuição de riqueza e empoderamento de território, eles são fundamentais”, avaliou.

Foto: Elsson Campos

Maricá Já Play. A sua informação em apenas um click

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s