Representantes de países latinos visitam aldeia em Maricá para conhecer história indígena local

A aldeia indígena Guarani Kyringue Aranduá, localizada no Barroco (Itaipuaçu) recebeu nesta terça-feira, (26/11), um intercâmbio multicultural. Representantes de países da América Latina expuseram os principais problemas ligados aos povos indígenas em sua localidade.

Os presentes fazem parte da Rede Mercosul, uma organização que visa trocar experiências sobre economia solidária, agroecologia, economia feminista, soberanias alimentares e economias comuns. Antes das falas de todos os presentes, o povo Guarani fez uma apresentação com canto e dança típicos. O grupo era composto por representantes de organizações do Paraguai, Argentina, Uruguai, Chile e Brasil.

“É muito bom a gente receber outras pessoas aqui para que aconteça uma boa troca, e que se renove sempre com essa união, objetivando o fortalecimento do nosso povo”, disse o Cacique Félix, líder de aldeia.

Para a subsecretária de Economia Solidária de Maricá, Adriana Bezerra, esses movimentos são essenciais para o progresso dos grupos que são atingidos diretamente pelo capitalismo. “Esses movimentos propõem outra economia. Aqui não há concentração de renda, e se respeita a natureza. Essa é uma economia construída a partir da classe trabalhadora”, comentou.

“Esse encontro é vital porque coloca em primeiro lugar o respeito pelos povos indígenas. Dessa forma, é um acerto porque reforça a presença indígena em âmbito continental”, disse Kike Ortega, representante da organização ENC (Educação e Comunicação do Chile).

“Estamos justamente aqui para reafirmar a importância dos direitos dos povos originários da nossa região. Conhecer aqui é fundamental para mim, principalmente por se tratar de um povo Guarani”, disse Ana Patrícia Sampaio, Secretária Executiva do Mercosul Social  Solidário, na Paraíba. Após a visita à aldeia, os representantes conheceram o Banco Social Mumbuca, no Centro.

A ação antecede ao evento desta sexta-feira (29/11), na Lona Cultural da Barra de Maricá. Intitulado “Um Outro Mundo é Possível e Já Acontece entre Nós”, trata-se de um seminário internacional sobre economias alternativas. O objetivo do evento é explicar cada movimento através de pessoas já exercem a atividade na prática.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s