Obras avançam na orla de Jaconé e em Ponta Negra

A construção da nova ponte de Ponta Negra segue avançando em ritmo acelerado. Nesta quinta-feira (09/01), equipes da Prefeitura trabalharam na finalização do pilar de suporte para ser colocada a travessa (estrutura que dá sustentação à ponte). O alicerce, que começou a ser erguido nesta semana, tem previsão de finalização nesta sexta-feira (10/01).

Passeando pelo local com seu marido, a professora Luzia Guimarães, de 64 anos, está ansiosa para ver a estrutura finalizada. “Estou gostando muito dessa obra que está sendo feita aqui. Essa ponte com certeza vai permitir que as pessoas atravessem com mais segurança”, disse. “Isso aqui vai ser muito bom, tanto para o pessoal daqui, como para os turistas”, completou o marido Ubirajara Dias de Azevedo, de 74 anos.

Para o servente de pedreiro, Fábio Mota Cordeiro, de 52 anos, a nova peça viária vai encurtar seu caminho para chegar ao outro lado da rua. “Isso vai facilitar a travessia, pois não vou precisar dar essa volta toda para acessar o outro lado do canal, como acontece na atual ponte”, afirmou.

A nova ponte, que vai ligar as duas margens do canal próximo à lagoa da Guarapina, terá duas faixas de rolamento e guarda-corpos para pedestres em ambos os lados, com largura total de 11 metros. A extensão será de aproximadamente 50 metros com vão livre sobre o curso d’água de 41 metros, além de 4,5 metros de altura.

A ponte vai passar também por cima das ruas Capitão Caetano e Beira do Canal, com estrutura pré-moldada montada sobre os pilares nas margens. A estrutura ganhará ainda rampas nas duas margens.

Nova Orla de Jaconé

Perto dali, em Jaconé, a orla do bairro vai ganhando novo visual. Equipes da prefeitura, através da autarquia Serviços de Obras de Maricá (Somar), estiveram na Avenida Beira Mar para dar prosseguimento às obras de urbanização da região.

A intervenção no local terá uma extensão total de quatro quilômetros até a altura da Rua 57, onde fica o limite com a vizinha Saquarema. As calçadas no lado da praia terão uma largura de 3 metros e um reforço de estrutura para conter possíveis ressacas do mar. O projeto contempla ainda baias para pontos de ônibus, vagas de estacionamento e iluminação, além da acessibilidade, tendo o leito da avenida uma largura de 8 metros.

Quem está contente em acompanhar a transformação da região é o comerciante Ricardo Correia, de 47 anos. “O pessoal está bastante satisfeito porque é uma das obras que os moradores mais antigos esperavam há anos e agora estão tendo essa possibilidade de ver”, comentou. “Andar nessa rua gerava muita dificuldade para nós moradores quando chovia. Com essa obra aí as coisas vão melhorar bastante”, completou.

Fotos: Marcos Fabrício

Maricá Já Play. A sua informação em apenas um click

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s