Maricá tem dia D de Multivacinação

Neste sábado, dia 17 de outubro, acontece o Dia D Multivacinação em todo Brasil. As 24 Unidades de Saúde da Família (USF) de Maricá estão abastecidas com estas vacinas presentes nos calendários da criança e do adolescente, como parte da Campanha Nacional de Multivacinação, que acontece de 5 a 30 de outubro. Através de uma parceria das secretarias de Saúde e Educação, a Escola Municipal Antonio Lopes de Fontoura, no bairro do Caxito, terá um posto de vacinação neste sábado, também de 8h às 17h, com a presença do OdontoMóvel, com serviço odontológico.

Para este período, foram recebidas pela Secretaria Municipal de Saúde de Maricá 21.830 doses de vacinas pelo Governo do Estado do Rio de Janeiro, que, por sua vez, recebe do Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde. São cerca de 18 mil crianças e adolescentes cadastrados na Estratégia de Saúde da Família de Maricá.

No calendário da criança, que inclui a imunização de crianças de até 5 anos de idade, são 14 vacinas no total: BCG, Hepatite B, Penta (difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e poliomielite), Pólio inativada, Pólio oral, Rotavírus, Pneumo 10, Meningo C, Febre Amarela, Tríplice viral (sarampo, caxumba e rubéola), Tetra viral (sarampo, caxumba, rubéola e varicela), DTP (tríplice bacteriana), Hepatite A e Varicela.

No calendário do adolescente há mais vacinas, além de reforços das imunizações feitas na infância. São elas: Hepatite B, Febre Amarela, Tríplice viral, Difteria e tétano adulto, DTPa, Meningocócica ACWY e HPV quadrivalente. A vacina de sarampo para adultos é oferecida contra o sarampo para todos da faixa etárias entre 6 meses e 59 anos.

Caso o munícipe ainda não seja cadastrado em uma USF, é necessário levar apenas o documento de identidade ou nascimento, o cartão do SUS e o comprovante de residência. O horário de funcionamento das USF para o Dia D de Multivacinação é de 8h às 17h. A medida tem como objetivo evitar a exposição desnecessária da população à Covid-19, aproveitando a ida do responsável pelas crianças à unidade de saúde para atualizar a própria situação vacinal.

Observa-se que a vacina de Sarampo em adultos também será feita, tendo em vista que recentemente o Estado do Rio teve um surto da doença. Maricá está preparada para uma maior demanda já que muitos munícipes deixaram a vacinação de lado no momento da pandemia da Covid-19. Todas as unidades de saúde estão seguindo as normas de isolamento social e demais cuidados para evitar a contaminação do novo coronavírus. É obrigatório o uso de máscaras.

A gerente de imunização da Secretaria Municipal de Saúde de Maricá Ana Cláudia Chavão, lembra que, por ser uma campanha de Multivacinação, aproveita-se o Dia D para a atualização da caderneta.

“A data do dia D é muito importante, pois possibilita ao acesso oportuno a toda família. É muito importante a vacinação contra a Poliomielite para evitar a reinserção do vírus no país e, com isso, proteger as nossas crianças contra a paralisia infantil. Em relação ao Sarampo, ao mantermos a vacinação de toda a população, conseguimos diminuir a propagação do vírus e, consequentemente, o seu controle e até a erradicação”, ressalta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s