Mais doses da vacina Coronavac chegam à Maricá

Mais um lote de vacinas contra a Covid-19 chegou à Maricá nesta segunda-feira (22/03). Nesta entrega, a Prefeitura recebeu no Posto Central 6.540 doses do imunizante Coronavac, produzido no Brasil pelo Instituto Butantan. Trata-se da maior remessa recebida desde o início da vacinação, em janeiro. 

As novas doses da vacina são destinadas aos grupos prioritários determinados pelo Ministério da Saúde e, seguindo o cronograma de vacinação municipal, foram imunizados nesta segunda-feira os idosos com 81 anos ou mais. Ao longo da semana, serão imunizadas as pessoas com 80 anos (terça-feira); 79 anos (quarta-feira); 78 anos (quinta-feira); além dos idosos de 77 anos ou mais (sexta-feira).

Atualmente, Maricá conta com quatro postos fixos de vacinação, todos em Unidades de Saúde da Família (USF)dos quatro distritos da cidade: USF Central, USF Chácaras de Inoã, USF Marinelândia (Cordeirinho) e USF Jardim Atlântico (Itaipuaçu). Além disso, dois polos de vacinação ‘drive-thru’ entraram em funcionamento na última semana: no Aeroporto de Maricá e no Centro Administrativo de Itaipuaçu.

Até o momento, foram aplicadas no Aeroporto, 101 vacinas em primeira dose e 19 em segunda dose. Já no drive thru de Itaipuaçu, 61 pessoas receberam a primeira aplicação do imunizante Coronavac e 26 a segunda dose da vacina. Nas Unidades de Saúde da Família, nos últimos dias, 154 pessoas receberam a primeira imunização e 87 a segunda dose.

Segundo duas das dezenas de imunizados nesta segunda-feira no Aeroporto, a inclusão dos postos ‘drive thru’ é bastante positiva e contribui para um acesso mais fácil à vacinação.

“Eu estou achando excelente a vacinação e estou muito aliviada por finalmente estar recebendo a minha dose. Ser vacinado é o único meio que nós temos para não pegarmos a doença ou, se pegarmos, para estarmos protegidos contra os sintomas mais sérios da Covid. Mesmo com o início da vacinação, a população deve ter consciência e manter as medidas de prevenção para evitar a contaminação pelo novo coronavírus”, afirmou Valma Maria Cota, aposentada de 81 anos.

A aposentada Carmelita Pereira, 83 anos, estava feliz por receber a primeira dose do imunizante.  “Estou muito feliz por poder ser vacinada hoje. Por 16 anos, fui profissional da área da saúde, trabalhando em um grande hospital, e por isso sei como é importante a vacinação. Durante a pandemia, tenho mantido todos os cuidados e quase não vou à rua, então sair de casa nesta tarde para ser vacinada foi como um agradável passeio que eu não tinha há muito tempo”, destacou.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s